Tremores na terra podem se intensificar

O trabalho considera que pode começar um ciclo de tremores de terra devastadores em todo o planeta

A intensificação dos tremores de terra desde 2010 indica a manifestação de um novo ciclo de atividade sísmica com futuros tremores de terra devastadores, concluiu uma investigação publicada na quinta-feira (26 de janeiro) nos EUA, informou a agência de notícias AFP.
Na Grécia nesta sexta-feira (27) ocorreu outro terremoto na Ilha de Creta, com 5,2 na escala Rochter a 18 metros de profundidade. Nessa região da Ilha de Creta costuma acontecer frequentes abalos sísmicos. Conforme estudos, na Grécia há uma zona ativa de subducção e por isso é propensa a terremtos. Naquele local há um vulcão que, segundo documentário do Discovery Channel, no passado uma grande erupção vulcânica dizimou muitas vidas e em posteriores esvcavações na região foram encontradas pedras pômis e cinzas.
Também na no norte da Itália registrou-se um abalo sísmico nesta sexta-feira (27) na intensidade de 5.3 graus na escala Richter entre a regiáo de Parma e Apeninos e que foi sentido em Milão, Bolonha, Gênova e Firenze.
Segundo os autores do estudo, citado pela agência AFP, como relata a agência Lusa, os arquivos históricos revelam uma atividade sísmica frequente nas Caraíbas nos últimos 500 anos, mais particularmente na ilha de Hispaniola, partilhada pelo Haiti e pela República Dominicana.
Sismólogos apoiaram-se em numerosos relatos de destruições provocadas por diferentes tremores de terra para avaliar a sua intensidade, a sua situação  geográfica e amplitude e, assim, elaborar um modelo.
Outro local que chama a atenção no momento, além do constante movimento tectônico do Japão, sáo as Ilhas Sandwich do Sul, um arco de onze pequenas ilhas vulcânicas no Atlântico Sul. Desabitadas e cobertas por geleiras, as ilhas são territórios britânicos ultramarinos. A sua área total é de apenas 311 km², dividida entre três ilhas principais (Montagu, Bristol e Saunders), e dois grupos de ilhas menores (Thule do Sul, a sul, e Traversay, a norte).
A movimentação na placa Scotia, onde se situam as Ilhas Sandwich do Sul, registrou-se terremoto recentemente de 6.0 e outro de 5.2. Esse arquipélado gelado é um cantinho muito estranho e ainda pouco explorado do planeta, e vem ganhando atenção pela recente descoberta do conjunto de vulcões submersos. Lá também se encontra uma fossa marinha que recebe o mesmo nome, com aproximadamente 7.235 metros (23,730 pés) do nivel do mar ao fundo, considerada a 4ª em profundidade. Ela está localizada 100 km ao leste das ilhas Sandwich do Sul. Desde 2011 vem aumentando o número de terremtos na região. Fonte: (http://www.tvi24.iol.pt/internacional/sismo-haiti-abalo-tremor-de-terra-tvi24/1320636-4073.html)
Artigos relacionados
Impacto das Nanopartículas na Saúde

Fonte: Portal Terra Experimentos feitos em galinhas levantaram questões sobre o impacto na saúde de nanopartículas, grãos ultrafinos comumente usados Leia mais

Urandir realiza pesquisa na Bolívia em Puma Punku – Tiawanaku sobre civilizações antigas

Tiahuanaco é um grandioso complexo arquitetônico que está localizado no planalto central da Bolívia, situando-se a sudeste do lago Titicaca Leia mais

Erupções de vulcões podem ser previstas

Fonte: BBC e Naturlink De acordo com um novo estudo publicado na revista Nature, as erupções dos maiores vulcões do Leia mais

No Coração do Vaticano – Expedição Zigurats Brasil

Teve cenário na Itália, especialmente em Roma uma expedição do Dakila Pesquisas, liderada por Urandir Fernandes d  Oliveira. Com o Leia mais

Comments are closed